sábado, 3 de junho de 2017

Chico Science & Nação Zumbi - Da Lama ao Caos [1994]

O álbum Da Lama ao Caos é sem dúvida um dos maiores clássicos brasileiros. Ele apresenta uma originalidade sem igual, com canções que fazem parte do revolucionário movimento contracultural, Manguebeat, que mistura ritmos regionais, como o maracatu, com rock, hip hop, funk rock e música eletrônica.

O disco foi lançado em abril de 1994, mas já estava pronto desde janeiro do mesmo ano. Contém 14 faixas: 9 compostas por Chico; 3 por Chico em parceria com outros compositores: Fred Zero Quatro, Jorge du Peixe e Lúcio Maia; 2 de outros compositores: Lúcio Maia e Fred Zero Quatro.


Chico Science & Nação Zumbi - Da Lama ao Caos [1994]

Banda: Chico Science & Nação Zumbi
Álbum: Da Lama ao Caos
Ano: 1994
Gêneros: MPB, Manguebeat, Rock alternativo, Funk rock, Rock psicodélico, Funk metal
Duração: 00:50:19
Qualidade: 137-181 Kbps
Tamanho: 63 MB
Gravadora: Chaos
Produção: Liminha

Lista de músicas:
1. Monólogo ao Pé do Ouvido (Chico Science)
2. Banditismo por Uma Questão de Classe (Chico Science)
3. Rios, Pontes & Overdrives (Chico Science / Fred Zero Quatro)
4. A Cidade/Boa Noite do Velho Faceta (Amor de Criança) (Chico Science)
5. A Praieira (Chico Science)
6. Samba Makossa (Chico Science)
7. Da Lama ao Caos (Chico Science)
8. Maracatu de Tiro Certeiro (Chico Science / Jorge du Peixe)
9. Salustiano Song (Chico Science / Lúcio Maia)
10. Antene-se (Chico Science)
11. Risoflora (Chico Science)
12. Lixo do Mangue (Lúcio Maia)
13. Computadores Fazem Arte (Fred Zero Quatro)
14. Côco Dub (Afrociberdelia) (Chico Science)
Download

Ficha técnica

Alexandre Dengue - baixo
Canhoto - caixa
Chico Science - voz, samplers em "Lixo do Mangue"
Gilmar Bolla 8 - alfaia
Gira - alfaia
Jorge du Peixe - alfaia, tonel em "A Cidade"
Lúcio Maia - guitarras
Toca Ogam - percussão e efeitos

Participações Especiais:
André Jungmann - berimbau em "Maracatu de Tiro Certeiro"
Chico Neves - samplers em "Rios, Pontes & Overdrives", "A Cidade", "Samba Makossa", "Antene-se" e "Côco Dub (Afrociberdelia)"
Liminha - grito em "Lixo do Mangue"

Produção musical:
Liminha - produtor, engenheiro de gravação, mixagem
Jorge Davidson - direção artística
Ronaldo Viana - coordenação de mixagem
Guilherme Calicchio - engenheiro de gravação
Vitor Farias - engenheiro de gravação
Renato Muñoz - assistente de estúdio
Ricardo Garcia - assessoria técnica
Alberto Fernandes - assessoria técnica
Steve Hall - masterização
Eddy Schreyer - masterização
Gravado e mixado no Estúdio Nas Nuvens, Rio de Janeiro-RJ
Masterizado na Future Disc, Oregon, EUA

Produção gráfica:
Dolores & Morales - projeto gráfico
Fred Jordão - fotos
Luciana K - arte final
Helder - ilustrações, arte final
Hilton Lacerda - texto HQ, arte final
Cláudio Almeida - edição de imagens/textos, arte final
Estado da Arte - colaboração
João Belian - colaboração


Fontes:

DA LAMA ao Caos. In: Wikipédia, a enciclopédia livre. Disponível em: <https://pt.wikipedia.org/wiki/Da_Lama_ao_Caos> Acesso em: 13 jun 2017.


EmoticonEmoticon